Search
Close this search box.

RS: polícia descobre que plano de morte de empresário foi arquitetado pelo irmão da vítima

Diego Camargo

Diego Camargo

[vc_row][vc_column][vc_column_text css=”.vc_custom_1564693069720{margin-left: 15px !important;}”]A Delegacia de Homicídio de Novo Hamburgo concluiu que o próprio irmão tramou a morte do empresário Everaldo Oto Leal Back.

Back foi morto com dois tiros na cabeça na noite do dia 29, no bairro Alpes do Vale, próximo ao Santuário das Mães, quando foi verificar, com o irmão,um terreno à venda na região.

Nesta quinta-feira (1°), a polícia prendeu o irmão do empresário, Marcelo Carlos Leal Back. Ainda foram cumpridos quatro mandatos de busca e apreensão.


Segundo o delegado Rogério Baggio, o crime teria sido planejado por Marcelo e por um funcionário. Apesar de a principal linha de investigação apontar motivação financeira, a polícia tenta esclarecer o que teria levado o suspeito a decidir pelo homicídio do próprio irmão.

Um funcionário de Marcelo, que não teve o nome divulgado, também foi preso pela polícia nesta semana. Ele confessou o crime e disse que foi acionado pelo patrão para atirar na vítima.

A Polícia Civil afirma que tem outras provas do envolvimento dos dois e confronta depoimentos para confirmar a motivação. A prisão de Marcelo foi adiantada, já que ele tinha viagem marcada para fora do Estado nesta manhã.

No início do mês de julho, a madeireira de Everaldo havia sido furtada e incendiada.

Com informações de O Diário da Encosta da Serra e ZH / Fotos Divulgação[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_single_image image=”14113″ img_size=”medium” alignment=”center”][/vc_column][/vc_row]