Search
Close this search box.

Recolhidos ao presídio de Getúlio os três presos em Charrua

Diego Camargo

Diego Camargo

[vc_row][vc_column][vc_column_text css=”.vc_custom_1541167972228{margin-left: 15px !important;}”]

A Polícia Federal prendeu na manhã de ontem (01) três indígenas da Reserva do Ligeiro, em Charrua. A ação foi realizada por tentativas de homicídio ocorridas dentro da aldeia, durante conflitos internos.


A prisão preventiva foi expedida, pela Justiça Federal de Erechim. De acordo com a polícia, o trio é investigado em sete inquéritos, por ataques armados contra o cacique local, com objetivo de derrubar a liderança e ocupar a posição. Os presos continuam sendo investigados.

Uma foto, inclusive, exibindo o arsenal do grupo, foi publicada nas redes sociais dos investigados e chegou até a Polícia Federal. As espingardas, utilizadas pelo grupo de caingangues durante a prática dos delitos, seguem sendo procuradas na área de aproximadamente quatro mil hectares.

Os indígenas foram recolhidos ao Presídio Estadual de Getúlio Vargas.

Com informações da Radio Uirapuru / Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]