Search
Close this search box.

Erechinense engenheiro mecânico é aprovado em 1º lugar na Força Aérea Brasileira

Taiana Camargo

Taiana Camargo

O diplomado em Engenharia Mecânica da URI, Diógenes Augusto dos Santos Welter, acaba de ser convocado para o Estágio de Adaptação de Oficiais Engenheiros da Aeronáutica (EAOEAR) 2024, última etapa do concurso da Força Aérea Brasileira (FAB).

Depois de várias etapas do certame e ser classificado em primeiro lugar nas provas escritas para o cargo de Oficial Engenheiro, especialidade Mecânica, Diógenes irá para o Curso de Formação de Oficiais em Minas Gerais. Com a colocação obtida optou por atuar após sua formação na unidade de São José dos Campos, São Paulo, onde se encontra o Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), maior centro de pesquisa aeroespacial da América Latina.

Diógenes diz que a formação acadêmica teve uma importância vital para a obtenção dessa conquista.


“Em primeiro lugar devo tudo isso a Deus e a minha família, principalmente, a minha esposa, que sempre me apoiaram. Outrossim, a bagagem adquirida no Curso de Engenharia Mecânica da URI foi fator determinante para o bom desempenho na prova objetiva, pois o curso também me instigou a ir em busca de sonhos maiores. Ademais, graças aos esforços dos professores, que me propiciaram uma boa base e um bom entendimento do assunto nas áreas prioritárias que depois pude utilizar nos estudos”.

Essa conquista, destaca o coordenador do Curso de Engenharia Mecânica, Marco Antonio Sampaio Ferraz de Souza, “é resultado de muita dedicação e esforço aliado a uma formação sólida que o curso oferece a seus acadêmicos. Fui orientador do Diógenes no seu Trabalho Final de Curso (TFC) e posso destacar que ele desenvolveu brilhantemente seus estudos de forma autônoma e crítica alcançando excelentes resultados. Este resultado veio coroar o excelente profissional que formamos e desejamos todo o sucesso na sua carreira na FAB”, frisou o professor.

Para o Coordenador, que acompanhou Diógenes durante toda a graduação, este exemplo deve ser seguido.

“Atualmente, existem diversas vagas para Engenharia no Brasil, em empresas públicas e privadas, nacionais ou multinacionais. É preciso que o acadêmico fique atento ao mercado e a área que deseja atuar, para aproveitar as diferentes oportunidades”, declarou. E complementou:

“Os egressos do Curso de Engenharia Mecânica da URI vêm se destacando em diferentes áreas e hoje atuam em grandes empresas do Brasil e do exterior. Temos também exemplos de ex-alunos que empreenderam e hoje são empresários de sucesso, assim como aqueles que seguiram para a área de pesquisa se formando Mestres e Doutores nos melhores cursos de pós-graduação do País”, concluiu.

Assessoria URI Erechim