Search
Close this search box.

BM: acidente de trânsito no boletim informativo de quarta-feira, dia 13/03

Diego Camargo

Diego Camargo

[vc_row][vc_column][vc_column_text css=”.vc_custom_1552592934706{margin-left: 15px !important;}”]

BRIGADA MILITAR – CRPO/PLANALTO

13º BPM/3ª CIA – GETÚLIO VARGAS/RS

 

SUMÁRIO DIÁRIO DO DIA 13/03/2019

GETÚLIO VARGAS

  • Às 12h, foi deslocado até o bairro São José, onde se atendeu uma ocorrência de acidente de trânsito com danos materiais envolvendo um veículo Onix e um I/Chevrolet Tracker. Ambos os condutores realizaram o teste do etilômetro, tendo resultado negativo para ingestão de bebida alcoólica. Sendo assim foram adotadas as medidas cabíveis.

 

ABORDAGENS

  • Nas últimas 24 horas foi feito o Policiamento Ostensivo, sendo realizadas diversas abordagens de veículos e pessoas.

 

DICAS DE SEGURANÇA

Golpes:

  • ENVELOPE VAZIO: típico golpe realizado em transações comerciais, como na compra e venda de produtos (por exemplo, carros e celulares). O estelionatário faz a compra de determinado produto, realizando o pagamento via depósito em um envelope sem o dinheiro. Ele apresenta o suposto comprovante de pagamento, a vítima entrega o produto, descobrindo mais tarde que sofreu um golpe, pois o envelope estava vazio. Dica para não cair neste golpe: confirme junto à instituição financeira se o valor depositado foi devidamente descontado ou se está bloqueado. Se estiver bloqueado, trata-se de golpe.
  • CONFIRMAÇÃO DE DADOS: O estelionatário liga para a vítima passando-se por funcionário de determinada empresa, dizendo que precisa que a vítima confirme alguns dados para fins de atualização do sistema. A vítima passa os dados e o estelionatário os utiliza para transações comerciais em nome da vítima. Dica para não cair neste golpe: nunca passe seus dados por telefone.
  • FALSA CASA DA PRAIA: típico golpe realizado no final de ano. O estelionatário coloca anúncio em algum site, ofertando uma casa para alugar na praia, com fotos e preço atrativo. A vítima entra em contato com o estelionatário, dá uma entrada (sinal) e depois o estelionatário some. Para não cair no golpe, não alugue um imóvel de quem não é profissional na área (corretor de imóveis).

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]