O que é Turismo?

Existem diversos conceitos de turismo. Segundo a OMT (Organização Mundial de Turismo) turismo é “as atividades que as pessoas realizam durante suas viagens e permanência em lugares distintos dos que vivem, por um período de tempo inferior a um ano consecutivo, com fins de lazer, negócios entre outros.”

Os autores Mathieson e Wall definem o turismo como “o movimento temporário de pessoas para destinos fora dos seus locais habituais de trabalho e residência, as atividades desenvolvidas durante a permanência nesses destinos e as facilidades criadas para satisfazer as suas necessidades”.

Dessa forma, resume-se que turismo é um objeto de estudo, uma ciência que estuda o fenômeno social que é ligado a  interdisciplinaridade dos serviços, na busca de interação entre as pessoas.

 

Turismo Nacional, Estadual e Regional

Através de lei Federal nº 11.771, foi instituída em 2008 a política Nacional de Turismo, que tem como um de seus princípios a regionalização do turismo brasileiro. A regionalização é trabalhada na perspectiva de que até os municípios que não possuem uma vocação clara para o turismo podem se beneficiar dele, desempenhando um papel de fornecedor ou provedor de mão de obra, ou de produtos destinados a atender o turista. A Regionalização é resultado de um processo de planejamento descentralizado e compartilhado iniciado ainda em 2003. Este trabalho possibilita ganhos não só para os municípios considerados turísticos, que recebem visitantes, mas para toda a região que o cercam.

O programa de Regionalização trabalha a junção, o encontro, a identidade e a interação de todas as ações desempenhadas pelo Ministério do Turismo (Mtur) juntamente com os estados e municípios de todo Brasil, tendo como um dos principais objetivos apoiar a estruturação dos destinos, através da gestão e da promoção do turismo brasileiro. Este teve uma estruturação no ano de 2013, onde foram definidos 8 eixos de atuação dentro das seguintes áreas: gestão, planejamento, qualificação, infraestrutura, informação, promoção e monitoramento.

Posto isso, existe um instrumento instituído no âmbito do programa de regionalização do Turismo, que é o mapa do turismo brasileiro que determina as áreas territoriais prioritárias para ser trabalhado o turismo pelo MTur.  Na ultima atualização do Mapa Turístico brasileiro, em 2017, mostrou que o Brasil tem 3.285 cidades regionalizadas que são dividas em 328 regiões turísticas. Os municípios que fazem parte desse mapa foram indicados pelos órgãos estaduais de turismo, em conjunto com as instâncias de governança regional, através de critérios instituídos pelo Mtur.

No Rio Grande do Sul temos 371 municípios regionalizados, divididos em 27 regiões turísticas. Getúlio Vargas está dentro da “Região Turística Termas e Lagos” que tem sede em Erechim e conta com 19 municípios, sendo eles: Aratiba, Áurea, Centenário, Entre Rios do Sul, Erebango, Erechim, Floriano Peixoto, Getúlio Vargas, Ipiranga do Sul, Itatiba do Sul, Jacutinga, Marcelino Ramos, Mariano Moro, Paulo Bento, Ponte Preta, Severiano de Almeida, Quatro Irmãos, Três Arroios e Viadutos.

A governança da Região Termas e Lagos tem encontros mensais, onde são debatidos diversos assuntos referentes ao turismo regional, o último e muito importante ponto destacado no encontro que aconteceu em dezembro/2017 foi a Consulta Popular 2017/2018, onde a região foi contemplada com um valor de R$ 173.142,86, o Projeto: Desenvolvimento Sustentável do Turismo Regional tem como objetivos: Estruturar e colocar em operação o escritório turístico do Alto Uruguai, Realizar o Inventário e Cadastro Turístico Regional, Desenvolver e manter um site institucional do turismo regional, com link às referências turísticas dos sites das prefeituras municipais e Capacitar os agentes locais para desenvolvimento e venda de produtos turísticos da região do Alto Uruguai.

Levando em consideração as informações relatadas, este projeto, se concretizado, será um impulsionador para desenvolver o turismo na região do Alto Uruguai, bem como, aos municípios regionalizados que tem o Turismo como uma proposta de geração de emprego e renda.

Para saber mais informações sobre o Turismo brasileiro, estadual e regional acessem os links: http://www.turismo.gov.br, http://www.regionalizacao.turismo.gov.br, http://sedactel.rs.gov.br/inicial.

 

Andreza Soccol – Turismóloga